#2 PLACAS TETÓNICAS

[instalação vídeo/vídeo installation]

Um olhar para as coisas inertes e ver nelas vida, sempre que há nelas movimento. Reflete poeticamente sobre a influência mecânica do homem e suas máquinas sobre o planeta. Deste modo é sobre a poeira, o cosmo, o mar, o vento, sobre todas as partículas micro e macro. É um delírio coreográfico sobre desenhos geográficos. 

 

Materiais: computador, amplificador áudio, altifalante 12’’, areia, membrana esticada de 2,40 metros de diâmetro

Inertes: trigo, lentilhas, mostarda, pimenta



 

It’s all about gazing at inert matter in motion and finding patterns that resemble life forms or events. It’s a poetic reflection on the mechanical influence of humankind and their machines on Earth. It’s dust, wind, the cosmos, the sea and all micro and macro particles. It’s a choreographic delirium about geographical movement. 

 

Equipment: computer, audio amplifier, 12'' speaker, sand, 2.40-metre in diameter stretched membrane

Inert matter: wheat, lentils, mustard, pepper

Direção artística / artistic direction

Marta Cerqueira e Simão Costa